Home News Forge derrota o Toronto FC na partida de abertura da semifinal do...

Forge derrota o Toronto FC na partida de abertura da semifinal do Campeonato Canadense

20
0


Conteúdo do artigo

HAMILTON – A queda livre do Toronto FC continuou na quarta-feira, quando o time em queda da Major League Soccer foi derrotado por 2 a 1 pelo Forge FC, campeão da Premier League canadense, na partida de abertura da semifinal do Campeonato Canadense.

Anúncio 2

Conteúdo do artigo

Beni Badibanga e Kwasi Poku marcaram para o Forge, que liderou por 2 a 0 aos 14 minutos.

O substituto Prince Owusu marcou um gol importante para o Toronto aos 88 minutos, após uma confusão na boca do gol após escanteio.

Poderia ter havido mais em mais de cinco minutos de acréscimos frenéticos, mas o goleiro do Forge, Chris Kalongo, fez uma defesa de mergulho para negar a Lorenzo Insigne e o substituto do Toronto, Deandre Kerr, cabeceou ao lado.

Toronto teve muita posse de bola naquela noite, mas às vezes não cuidou dela e mostrou um desperdício de finalização com apenas um chute a gol no primeiro tempo. Forge poderia ter aumentado a vantagem no segundo tempo se não fosse pela defesa do goleiro do Toronto, Luka Gavran, e pela trave.

A partida de volta no BMO Field é 21 de agosto, onde Toronto deve sair de um buraco para avançar para a final.

Conteúdo do artigo

Anúncio 3

Conteúdo do artigo

O Pacific FC recebeu o atual campeão Vancouver Whitecaps na outra semifinal da copa na quarta-feira.

Toronto (7-13-3 no jogo da MLS) perdeu sete partidas consecutivas em todas as competições e não vence há 10 (0-8-2). Não vence desde 18 de maio, quando derrotou o semi-profissional CS Saint-Laurent por 8 a 1 nas quartas de final da copa.

O gol de Badibanga veio de dentro do meio-campo do Forge, depois que ele olhou para cima e viu Gavran fora da linha. Isso levou o ex-jogador internacional belga, nascido no Congo, a lançar um chute de 60 jardas, à la David Beckham, que passou por cima da cabeça de Gavran antes de acertar o gol do Toronto.

Badibanga, que comemorou o gol de destaque com uma cambalhota dupla, começou a jogada despojando Federico Bernardeschi.

Foi o segundo gol bizarro que Gavran sofreu em tantos jogos. O atacante do Atlanta, Jamal Thiare, pegou o goleiro reserva do Toronto cochilando aos 97 minutos do dia 29 de junho, vindo de trás para roubar a bola – quando Gavran estava prestes a chutá-la para a frente – e colocá-la no gol aberto para uma vitória por 2-1.

Anúncio 4

Conteúdo do artigo

Poku fez o 2 a 0 com três minutos de atraso, acertando a bola no poste mais próximo, depois que a defesa do Toronto foi aberta por alguns passes bonitos de Kyle Bekker, Tristan Borges e David Choiniere.

O TFC deveria ter marcado primeiro quando Bernardeschi encontrou Insigne na frente do gol, mas o chute de Insigne saiu ao lado. Foi uma sequência que Insigne repetiu várias vezes durante a noite.

Bernardeschi, o homem perigoso de Toronto, foi maltratado por jogadores do Forge a noite toda.

Eram 21 C no início do jogo no Tim Hortons Field com previsão de trovoadas. E os céus abriram no intervalo.

Toronto fez alterações no intervalo, trazendo Matty Longstaff e Owusu. Kevin Long, Jahkeele Marhall-Rutty e Kerr entraram mais tarde, enquanto o técnico John Herdman procurava um caminho de volta.

Anúncio 5

Conteúdo do artigo

Toronto e Forge têm história, tendo se enfrentado na final do Campeonato Canadense de 2020, adiado pela pandemia, com a vitória do TFC na disputa de pênaltis.

Herdman fez cinco alterações no 11 inicial que perdeu por 4 a 0 em Columbus no sábado, com Insigne, Gavran, Aime Mabika, Deybi Flores e Kobe Franklin entrando. Flores foi suspenso para a disputa de fim de semana enquanto Insigne, sofrendo uma pancada nas costelas, entrou nos últimos 30 minutos fora do banco.

Bernardeschi, que abandonou suas trancinhas loiras, usava a braçadeira de capitão.

Forge fez três alterações em relação ao time que empatou o Vancouver FC por 3 a 3 na sexta-feira, com o retorno de Bekker, do goleiro Chris Kalongo e do zagueiro Garven Metusala.

Forge tinha sete canadenses em seus 11 titulares, em comparação com três de Toronto.

Anúncio 6

Conteúdo do artigo

Toronto ficou sem os lesionados Tyrese Spicer, Alonso Coello e Brandon Servania. O capitão Jonathan Osorio e Richie Laryea estão com o Canadá na Copa América.

Forge não pôde contar com o atacante Terran Campbell, lesionado, enquanto o zagueiro mexicano Daniel Parra foi suspenso por acúmulo de cartão amarelo.

Forge (5-4-3 no jogo da liga) venceu apenas uma de suas cinco partidas anteriores (1-2-2) e está em quinto lugar na CPL de oito times, uma posição incomum para o tetracampeão da liga.

O TFC chegou às semifinais ao derrotar o Simcoe County Rovers da League1 Ontario por 5 a 0 na rodada preliminar de um único jogo e o CS Saint-Laurent da Ligue1 Quebec por 11 a 1 nas quartas de final de duas mãos.

Forge derrotou o rival da CPL, York United, por 3 a 1 na rodada preliminar, antes de derrotar o CF Montreal por 3 a 2 no total nas quartas de final.

Antes deste ano, Forge havia perdido todos os quatro jogos da copa contra adversários da MLS, derrotado por Toronto na disputa de pênaltis na final de 2020 e eliminado pelo CF Montreal nas semifinais de 2021 e 23 e nas quartas de final de 2022.

Toronto venceu o torneio oito vezes e foi vice-campeão cinco vezes. Mas não levanta o troféu desde a competição de 2020.

O vencedor do Campeonato Canadense conquista a Voyageurs Cup, arrecada US$ 50 mil do Canada Soccer e ganha uma vaga na CONCACAF Champions Cup, a competição de elite de clubes da América do Norte, Central e do Caribe.

Conteúdo do artigo



Source link