Home News Nova frente fria reforça o ar frio no centro-sul do BR

Nova frente fria reforça o ar frio no centro-sul do BR

24
0


Frente fria ingressa no Sul nesta quinta-feira, ampliando a chuva e intensificando o frio no Centro-Sul do Brasil com nova massa de ar polar.

Nesta quinta-feira, uma nova frente fria ingressa no sul do Brasil, prometendo manter o ar frio sobre boa parte do Centro-Sul do país nos próximos dias. Este sistema trará mais chuva e intensificará a sensação de frio. A frente fria se deslocará rapidamente pelo Sul, canalizando umidade para o Mato Grosso do Sul, São Paulo até o final do dia. À medida que avança, ela arrasta uma massa de ar polar continental, que causará uma queda acentuada nas temperaturas.

Primeira quinzena de Julho marcada por frentes frias

O inverno brasileiro mostrou sua força na primeira quinzena de julho. Desde o dia 6, uma série de frentes frias tem amplificado o ar frio sobre o território nacional. Cada frente fria traz consigo uma massa de ar polar, resultando em quedas significativas de temperatura. Esse fenômeno tem sido responsável por temperaturas mínimas baixas e dias de tempo rigorosamente frio, especialmente no Centro-Sul do Brasil.

Efeitos do inverno: Menor incidência de radiação solar

Durante o inverno, a menor incidência de radiação solar prolonga as noites e madrugadas, favorecendo quedas mais intensas nas temperaturas. A ausência do sol por longos períodos contribui para manter as temperaturas baixas durante o dia, enquanto a radiação solar limitada é insuficiente para aquecer significativamente. Esse cenário tem sido acompanhado por dias chuvosos, que intensificam ainda mais a sensação de frio desde o último dia 6 de julho, quando começaram as sequências de frentes frias.

Novo reforço de frio

Uma nova frente fria que ingressa pelo sul do Brasil nesta quinta-feira se deslocará em direção ao Sudeste até o final do dia. Além de amplificar a chuva ao longo da sua passagem, esta frente puxará uma nova massa de ar polar continental, acentuando novamente a queda das temperaturas.

Para a faixa roxa no mapa, que inclui o oeste do Mato Grosso do Sul, oeste do Paraná, oeste de Santa Catarina e boa parte do Rio Grande do Sul, o frio seguirá intenso sem elevação significativa das temperaturas à tarde, com risco de geada entre a madrugada e manhã.

Na faixa azul do mapa, que abrange o sul do Mato Grosso e o nordeste do Rio Grande do Sul, incluindo parte do sul e leste de São Paulo, as temperaturas seguirão reduzidas entre 3ºC e 5ºC abaixo da média para o mês, que já é baixa.

Na faixa azul claro, que vai do Acre ao litoral do Rio de Janeiro, incluindo grande parte do sul de Minas Gerais e Goiás, as temperaturas devem reduzir em torno de 3ºC, com essa queda sendo mais sentida nas temperaturas máximas.




Foto: Climatempo

Figura 1- Nova onda de frio entre o dia 12 e 16 de julho de 2024.

Prepare-se para mais dias frios e chuvosos, com condições climáticas que reforçam o inverno brasileiro em toda a sua intensidade.



Source link